UMA PROPOSTA PARA CONSTRUÇÃO DE TIRINHA PARA O ENSINO DE ZOOLOGIA: DA IDEALIZAÇÃO E ELABORAÇÃO

Danilo Reynan de Santana, Luiz Gonzaga de Souza Neto, Luiz Augustinho Menezes da Silva

Resumo


A História em Quadrinho (HQ) como recurso didático, já é uma realidade nas áreas de Educação e Ensino, todavia no Ensino das Ciências e mais especificamente na Biologia ainda é pouco explorado. O presente estudo é um produto educacional que tem por objetivo propor teoricamente e metodologicamente o processo de idealização e construção de tirinhas como recurso didático no Ensino de Zoologia direcionado para a Educação Básica. A partir desta premissa o artigo traz o detalhamento de uma proposta voltada para desmitificação dos hábitos alimentares dos morcegos, assim, buscou-se evidenciar: (1) Os passos de roteiro – aspectos criativos, (2) Enquadramento da tirinha – aspectos técnicos, (3) Desenvolvimento da tirinha – aspectos de desenhos e imagéticos e (4) Trabalho digital – aspectos de uso de tecnologia. A produção tomou como premissa uma problemática social que atinge diretamente esse grupo animal, e consequentemente o conteúdo de Zoologia visto na Educação Básica. Logo, esperamos contribuir com uma proposta que viabilize entusiastas e possíveis quadrinistas do Ensino de Zoologia ou Ensino de Ciências desenvolver seus próprios produtos educacionais voltados para Educação Básica, dando assim um possível incentivo para que o professor desenvolva e use sua própria tirinha em sala tornando suas aulas mais interativas e participativas no processo de ensino e aprendizagem. 


Palavras-chave


aprendizagem; desmistificação; ensino de ciências; histórias em quadrinhos.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBERTO, C. Montando Storyboard. In: Guia: Criando o seu mangá. 1ª ed. São Paulo: Legacy Hero, p. 45-50, 2018.

ANDRADE, T. Y. I; TALAMONI, J. L. B. Morcegos, anjos ou demônios? Desmitificando os morcegos em uma trilha interpretativa. Revista Simbio-Logias, São Paulo, v. 8, n. 11, p. 179-187, 2015.

BARI, V. A. O potencial das histórias em quadrinhos na formação de leitores: busca de um contraponto entre os panoramas culturais brasileiro e europeu. 2008. Tese (Doutorado em Cultura e Informação) - Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

BRITO, L, M, S; et al. Biologia nos livros didáticos do ensino médio: Análise de conteúdo do filo artrópoda: Classe insecta. In: Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação, IV.; 2009, Belém – PA. Anais..., Belém – PA, 2009.

CABELLO, K. S. A; MORAES, M. O. Como uma cartilha para falar em hanseníase transformou-se em história em quadrinhos. Revista Ciências & Ideias, v. 1, n. 1, p. 87-92, 2009.

CHINEN, N. Reinterpretando Wertham. Influência de seduction of the innocent nos estudos de quadrinhos no Brasil. In: Jornadas Internacionais de Histórias em Quadrinhos, II, 2013, São Paulo, Anais..., São Paulo, Universidade de São Paulo, 2013.

DONATO, C. R., et al. Conscientização dos alunos da Escola Municipal Maria Ione Macedo Sobral (Laranjeiras, Sergipe) sobre os morcegos e sua importância ecológica. Scientia plena. v. 5. nº 9. Aracaju – SE. p. 1-3. 2009.

EXCELL, L. Linhas, formas e padrões. In: Composição: De simples fotos a grandes imagens. 1ª ed. Português: Alta books, p. 140-182, 2012.

GUERRA, F. V. A Crônica dos quadrinhos: Marvel Comics e a história recente dos EUA (1980-2015). 2016. Tese (Doutorado em História) - Instituição Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2016.

HICKMAN, C. P; et al. Princípios integrados de zoologia. 16ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, p. 19-48, 2004.

KAMEL, C; LA ROCQUE, L. As histórias em quadrinhos como linguagem fomentadora de reflexões: uma análise de coleções de livros didáticos de Ciências Naturais do Ensino Fundamental. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 6, nº 3. Belo Horizonte – MG. p. 59-76. 2006.

LEE, S; BUSCEMA, J. Ferramentas, conversas e o negócio. In: Como desenhar quadrinhos no estilo Marvel. 1ª ed. São Paulo: WMF Martins Fontes, p. 11-18, 2014.

MELO, D, L, P; SILVA, J, M, A; FARIAS, R, B. As dificuldades encontradas pelos alunos no livro didático de biologia do ensino médio. In: Seminário do Programa de Iniciação à Docência - Universidade do Estado de Mato Grosso, I.; 2011, Campo Grande, Anais..., Campo Grande Mato Grosso, Universidade Estadual do Mato Grosso, 2011.

MITHEN, S; BOYER, P. Anthropomorphism and the Evolution of Cognition. Journal of the Royal Anthropological Institute, v. 2, n. 83, p. 717-721, 1996.

PAIVA, F. S. História Em Quadrinhos e Educação. In: Histórias em Quadrinhos na Educação. 1ª ed. Salvador: Quadro a Quadro, p. 32-61, 2017.

PASE, R. B. Artrópodes: Conceituações, mitos e práticas no processo de ensino e aprendizagem escolar e suas relações com o cotidiano. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2016.

RANUCCI, L; et al. Percepção dos alunos do ensino médio de um colégio do município de Japurá, Paraná, sobre os morcegos e sua relação com o meio-ambiente. Ciência & Educação, v.22. Bauru, p. 172-276. 2016.

REIS, N. R; et al. Sobre os morcegos brasileiros. In: Morcegos do Brasil. 1ª ed. Londrina: NelioR. dos Reis, p. 17-25, 2007.

ROBERTSON, S; BERLING, T. Perspective Drawing Techniques. In: How to Draw: Drawing and Sketching Objects and Environments from Your Imagination. 1ª ed. Culver City, CA: Design Studio Press, p. 30-43, 2013.

SANTOS, V. J. R. M; GARCIA, R. N. A pesquisa sobre o uso dos quadrinhos no ensino das Ciências da Natureza apresentadas nos ENPECs de 1997 a 2015. In: Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 11, 2017, Florianópolis, Atas..., Santa Catarina: ABRAPEC, n. 1921-1, 2017.

SANTOS-FITA, D; COSTA-NETO, E. M. As interações entre os seres humanos e os animais: A contribuição da etnozoologia. Biotemas, v. 20, Bahia, p. 99-110. 2007.

SARTORI, R. C; MONTEIRO, A. A. Quadrinhos e Questões Ambientais: um espaço para as ações educativas. In: Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, XXVI.; 2003, Belo Horizonte, Anais..., Belo Horizonte, INTERCOM, 2003.

SCARELI, G. Mídia e educação: uma abordagem pelas histórias em quadrinhos. In: Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, XXVI.; 2003, Belo Horizonte, Anais..., Belo Horizonte, INTERCOM, 2003.

SILVA, C. M; QUEIROZ, A. C. M; SILVA, L. A. M. A Percepção dos Estudantes do Cavinho – CAV - UFPE sobre morcegos. In: Congresso Nacional de Educação, IV.; 2017, João Pessoa, Anais..., João Pessoa, Editora realize, 2017.

SILVA, D. B. Bicho útil x Bicho inútil: O Antropocentrismo no ensino de zoologia na educação básica: Implicações Ambientais. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Centro Universitário La Salle, Canoas, 2007.

SILVA, E. M. V. G., et al. Morcegos amigos ou vilões? - A Percepção dos estudantes sobre morcego. Educação Ambiental em Ação, n. 43, 2013. Disponível em: . Acesso em: 14 de jun. 2018.

SOARES, M. C; et al. O ensino de ciências por meio da ludicidade: alternativas pedagógicas para uma prática interdisciplinar. Revista Ciências & Ideias, v. 5, n. 1, p. 83-105, 2014.

SOUZA, M. G. S; SALES, L. S; GOMES, J, S. Gêneros multimodais nas aulas de leitura: Uma experiência no ensino fundamental. In: Simpósio Nacional de Linguagens E Gêneros, IV.; 2017. Campina Grande, Anais..., Campina Grande, CEMEP, 2017.

SOUZA, R. F; MENDES, R. R. L; SANTORI, R. T. Percepção ambiental sobre os morcegos: Uma pesquisa com alunos do fundamental I. In: Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 11, 2017, Florianópolis, Atas..., Santa Catarina: ABRAPEC, n. 2375-1, 2017.

SUDJIC, D. Linguagem. In: A linguagem das coisas. Rio de Janeiro: Intrínseca. p. 10-52, 2010.

VERGUEIRO, W. A atualidade das histórias em quadrinhos no brasil: A busca de um novo público. História, imagem e narrativas, v. 3, n. 5, p. 1-21, 2007.

VERGUEIRO, W; SANTOS, R; A revista GIBI e a consolidação do mercado editorial de quadrinhos no Brasil. MATRIZes, v. 8, n. 2, p. 175-190, 2014.

VOLGER, C. Recapitulação da jornada. In: A jornada do escritor: Estrutura mítica para escritores. 1ªed, Editora: Aleph, p. 245-302, 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.22407/2176-1477/2020.v11i1.1217

ISSN: 2176-1477