Elvira Sastre e Irene X: o romper poético no feed do Instagram

Lucy Miranda do Nascimento

Resumo


A comunicação mediada pelas redes sociais está modificando, paulatinamente, as formas de organização da sociedade. Cada vez mais os indivíduos fazem uso das redes com diversos objetivos e propósitos, proporcionando a conexão e a interação que ultrapassam barreiras físicas e ideológicas. A literatura, como reflexo artístico da sociedade ao longo dos séculos, plasma as transformações sociais acarretadas pelas inovações tecnológicas. Cabe verificar em que medida o Instagram colabora nesse processo de mediação artística, haja vista o surgimento dos instapoetas, oriundos da geração Millennial. A fim de aclarar tais questionamentos, analisaremos as produções artísticas e os perfis sociais das poetas espanholas Elvira Sastre e Irene X.


Palavras-chave


Instapoetas;Redes sociais;Instapoesia espanhola

Texto completo:

PDF

Referências


AARSETH, Espen. La literatura ergódica. In: Literatura y Cibercultura. AARSETH, E; ADELL, J.E; APOLLO, D; CAUSEY, M; CAVALLARO, D; JOYCE, M; POSTER, M; ROBINS, K; RYAN, M.L (Orgs.). Madrid: Arcos, 2004.

CANTÓ, Paula. La poesía de Instagram arrasa en librerías: ¿fenómeno literario o cursilería juvenil?. El Confidencial, 24 de jun. 2018. Disponível em https://www.elconfidencial.com/cultura/2018-06-24/poesia-instagram-aumento-ventas-espana-influencers-luis-alberto-de-cuenca_1582344/. Acesso em 29/08/19.

COÊLHO, Tamires Ferreira. A potência do olhar tecnodiscursivo na análise da escrita de si em redes sociais. Polifonia, Cuiabá, v.26, n. 42, p. 25 – 46, abril/junho, 2019.

GARCÍA MONTERO, Luis. Meditaciones previas sobre poeta jóvenes. In: Nuevas poéticas y redes sociales: Joven poesía española en la era digital. SÁNCHEZ, Remedios (Coord.). Madrid: Siglo XXI Editores, 2018.

GÓMEZ URZAIZ, Begoña. La balada de los instapoetas. Vogue, 20 de fev. 2019. Disponível em https://www.vogue.es/living/articulos/instapoetas-elvira-sastre-genero-literario/39143. Acesso em 29/08/19.

HAYLES, Katherine. Literatura eletrônica - Novos horizontes para o literário. São Paulo: Global, 2009.

LACARRA, Amaya. Los 9 ‘instapoetas’ que alegrarán tu Instagram. Cosmopolitan, 22 de jan. 2019. Disponível em https://www.cosmopolitan.com/es/consejos-planes/familia-amigos/a25903247/poetas-instagram/. Acesso em 29/08/19.

MARÍN, Verónica. Elvira Sastre: “Prefiero que me llamen poeta, no poetisa. No es necesaria esa distinción”. Vogue, 27 de set. 2018. Disponível em https://www.vogue.es/living/articulos/elvira-sastre-poeta-instagram/36948. Acesso em 29/08/19.

MARTINS, Analice de Oliveira; RAMOS, Penha Élida Ghiotto Tuão. Reflexões sobre rede social: do aplicativo à textualidade. Texto Digital, Florianópolis, v. 14, n. 2, p. 117-133, jul./dez. 2018.

MORALES LOMAS, Francisco. Subjetividad y humanidad en jóvenes poetas actuales. Hacia un nuevo paradigma. In: Nuevas poéticas y redes sociales: Joven poesía española en la era digital. SÁNCHEZ, Remedios (Coord.). Madrid: Siglo XXI Editores, 2018.

QUELART, Raquel. ‘Instapoetas’, el nuevo fenómeno literario que causa furor en las redes. La Vanguardia, 15 de out. 2018. Disponível em https://www.lavanguardia.com/cultura/20181014/452307530288/instapoetas-el-nuevo-fenomeno-literario-que-causa-furor-en-las-redes.html. Acesso em 29/08/19.

RECUERO, Raquel. Redes sociais na internet. Porto Alegre: Sulina, 2009.

ROGERS, Sam. Instapoetas: poesía para 'Millennials'. Vogue, 21 de março 2019. Disponível em https://www.vogue.es/living/articulos/dia-mundial-de-la-poesia-instapoetas-instagram-rupi-kaur/39649. Acesso em 29/08/19.

SÁNCHEZ GARCÍA, Remedios. Nuevas poéticas y redes sociales: Joven poesía española en la era digital. Madrid: Siglo XXI Editores, 2018.

TAVARES, Otávio Guimarães. A interatividade na poesia digital. Florianópolis: UFSC, 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Lucy Miranda do Nascimento

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.