REFLEXÕES SOBRE APLICAÇÃO DA PESQUISA NA SALA DE AULA: CONTRIBUIÇÕES PARA O ENSINO DE CIÊNCIAS

Andrea Oliveira de Fraga Goulart, Eline Deccache Maia

Resumo


O ensino de ciências passa por mudanças e introduzir metodologias diferenciadas de ensino no cotidiano escolar tem se mostrado um desafio a ser enfrentado pelos professores com o objetivo de contribuir para a melhoria da aprendizagem e de gerar maior estímulo nos estudantes. O presente artigo aborda o resultado da aplicação de duas estratégias didáticas que utilizaram a metodologia da educação pela pesquisa na sala de aula associada à busca do letramento científico, com o intuito de tornar as aulas de ciências mais atraentes. Nestas experiências os alunos construíram questionários de pesquisa, elaboraram perguntas, entrevistaram pessoas, discutiram os resultados e produziram gráficos. Tais experiências foram realizadas em duas turmas, de 8º e 9º anos do ensino fundamental que foram escolhidas por apresentarem desinteresse e apatia nas aulas de ciências. A partir desta vivência foi possível observar como os alunos responderam positivamente ao uso de uma metodologia diferenciada das tradicionalmente usadas em sala de aula.


Palavras-chave


pesquisa na sala de aula, letramento científico e ensino de ciências

Texto completo:

PDF

Referências


Brasil. (1998). Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: Ciências Naturais /Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC /SEF, 138.

Bachelard, G. (1996). A formação do espírito científico, contribuição para uma psicanálise do conhecimento. RJ:Ed. Contraponto.

Carvalho, A.M.P. (2004). Ensino de Ciências: unindo a pesquisa e a prática. SP. Ed. Pioneira Thomson Learning.

Chalmers, A.F. (1993). O que é ciência afinal? SP: Editora Brasiliense.

Demo, P. (2007). Educar pela Pesquisa. 8. ed. Campinas, SP. Autores Associados.

Fernandes, C.C.M. (2011). A pesquisa em sala de aula como instrumento pedagógico: considerações para sua inclusão na prática pedagógica. Acesso em: 24/07/2015. http://dialogoseducacionais.semed.capital.ms.gov.br/index.php/dialogos/article/view/22

Freire, P.; Faundez, A. (1998). Por uma pedagogia da pergunta. São Paulo: Paz e Terra.

Galiazzi, M.C., Moraes, R. (2002)Educação pela pesquisa como modo, tempo e espaço de qualificação da formação de professores de ciências. Revista Ciência & Educação, v. 8, n. 2, p. 237-252.




DOI: http://dx.doi.org/10.22407/2176-1477/2017.v8i2.634

ISSN: 2176-1477